Após o Corinthians vencer o Vasco, por 1 a 0, com um gol de mão de Jô, no domingo, a CBF resolveu agir. Nesta segunda-feira, o presidente da entidade, Marco Polo Del Nero, decidiu antecipar testes com o Árbitro de Vídeo, previstos para que ocorressem nas últimas rodadas do Brasileiro.

Em contato com o blog “Bastidores F.C.”, do “Globoesporte.com”, o presidente da Comissão de Arbitragem, Coronel Marcos Marinho, afirmou que a implementação do Árbitro de Vídeo já vai ocorrer na próxima rodada do Brasileiro. Procurada pelo GLOBO, a CBF disse que os testes com vídeo podem acontecer na próxima rodada, mas informou que ainda não há definição sobre a data de implementação.

“A CBF tinha intenção de testar o árbitro de vídeo nas últimas rodadas do Brasileirão, mas erros graves como neste fim de semana levaram o presidente (Del Nero) a reunir a equipe para antecipar o uso da tecnologia”, informou a CBF.

De acordo com a entidade, a determinação de Del Nero é que a implementação do Árbitro de Vídeo no Brasileiro seja feita “o mais rápido possível”.

Veja a nota completa da CBF:

A Comissão de Arbitragem da CBF projetava o uso do Árbitro de Vídeo (AV) nas rodadas finais do Brasileirão 2017. Ao longo deste ano, representantes da entidade e árbitros brasileiros participaram de treinamentos teóricos e práticos sobre o tema, incluindo a capacitação que vem sendo realizada desde a semana passada na sede da Conmebol, em Assunção, no Paraguai.

Entretanto, em função da incidência de erros recentes que poderiam ser evitados com a utilização da tecnologia, o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, reuniu a equipe, nesta segunda-feira (18), e determinou que o Árbitro de Vídeo seja aplicado o quanto antes nas partidas do Brasileirão – Série A.

O presidente da Comissão de Arbitragem da CBF, Marcos Marinho, está trabalhando para acertar os detalhes e viabilizar o AV o mais rápido possível.

REUNIÃO ENTRE DEL NERO E EURICO

Segundo o “Globoesporte.com”, Del Nero se reuniu nesta segunda-feira com o presidente do Vasco, Eurico Miranda, que reclamou do gol marcado por Jô, com o braço, na derrota diante do Corinthians. Procurado pelo GLOBO, o Vasco não se manifestou até a publicação desta reportagem.

A CBF já realizou testes “offline” com o Árbitro de Vídeo no ano passado e nas finais do Carioca deste ano. Nessas ocasiões, não houve comunicação entre o Árbitro de Vídeo e a equipe de arbitragem em campo.

Um teste “online” com o Árbitro de Vídeo foi realizado pela CBF na final do Campeonato Pernambucano deste ano, entre Sport e Salgueiro. A experiência ocorreu nos moldes do que fez a Fifa no Mundial de Clubes de 2016 e na Copa das Confederações deste ano, em que o árbitro de campo podia se comunicar com a equipe de vídeo para dirimir dúvidas em lances capitais.

Fonte: O Globo Online