O Campeonato Brasileiro terá uma mudança importante já neste ano. A partir de agora, está proibida a venda de mandos de campo para outros estados. Assim, nenhum clube poderá jogar fora de seu estado de origem.

A mediada foi proposta pelo Atlético-MG em Conselho Técnico da CBF nesta segunda-feira e acabou acatada em decisão. Alguns clubes foram contra, mas a maioria aprovou a nova medida.

A CBF já havia sinalizado com a mudança no final do ano passado, quando proibiu a venda de mandos nas últimas cinco rodadas do Brasileirão. O objetivo é que ninguém se beneficie por jogar em um local ‘neutro’.

Nos últimos anos, tornou-se comum que os times mandassem jogos principalmente nos estádios construídos para a Copa do Mundo, como a Arena Amazônia, a Arena Pantanal e a Arena das Dunas.

Outra mudança importante foi definida, mas só valerá a partir de 2018: estarão proibidos os gramados com grama sintética. A proposta foi feita pelo Vasco e acatada pelos demais clube. A justificativa é de que esse tipo de estádio estava causando um ‘desnível técnico’.

Essa medida afeta em cheio um clube: o Atlético-PR, único da primeira divisão que tinha campo artificial na Arena Baixada.

Fonte: ESPN.com.br