O Botafogo tem o sexto pior ataque do Campeonato Brasileiro, à frente apenas de CSA, Avaí, Cruzeiro, Chape e Goiás. Para piorar, o time entrará em campo neste sábado, sem seus artilheiros na competição. Diego Souza e Alex Santana têm cinco gols cada e não poderão entrar em campo neste sábado, às 11h (horário de Brasília), no Nilton Santos, contra o São Paulo, por questão contratual e lesão, respectivamente.

Os dez gols marcados representam 55,5% do total anotado pela equipe. Os números são relevantes e dão uma dica das dificuldades que o Botafogo terá pela frente neste fim de semana.

Marcar gols já é uma dificuldade do Botafogo. Para se ter uma ideia, o Flamengo tem o melhor ataque com 42 gols, mais do que o dobro do Alvinegro de General Severiano, com humildes 18. Com os desfalques de Diego Souza e Alex Santana, o técnico Eduardo Barroca tenta solucionar o problema.

“Diego e Alex são jogadores decisivos, que têm um número expressivo dentro da competição. Mas não tenho por hábito lamentar quem está fora, vou dar confiança total a quem vou colocar para jogar. Às vezes, esse tipo de situação é oportunidade para quem não vem tendo tanta chance mostrar que pode brigar por espaço na equipe titular”, disse Barroca.

Para a vaga de Diego Souza, o treinador deve mandar Victor Oliveira para o time titular. O centroavante não foi bem nas oportunidades que teve, mas após alguns meses de treinamento, existe a expectativa de uma melhora no desempenho.

Já no meio de campo, Bochecha é o escolhido. As características são bastante diferentes, já que o jovem é mais ‘pifador’, enquanto Alex busca sempre a finalização. Com a nova formação, outros jogadores terão que chamar a responsabilidade nesse quesito.

BOTAFOGO X SÃO PAULO

Data: 21 de setembro de 2019, sábado
Horário: 11 horas (de Brasília)
Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro-RJ
Competição: Campeonato Brasileiro, 20ª rodada
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e Leirson Peng Martins (ambos do RS)
VAR: Andre Luiz de Freitas Castro (GO)

BOTAFOGO
Gatito; Fernando, Marcelo, Gabriel, Gilson; Cícero, Bochecha, João Paulo; Marcinho, Luiz Fernando e Victor Rangel. Técnico: Eduardo Barroca

SÃO PAULO
Tiago Volpi; Juanfran, Bruno Alves, Arboleda e Reinaldo; Luan, Tchê Tchê e Daniel Alves; Hernanes (Antony), Everton e Pablo. Técnico: Cuca

Fonte: UOL