O atacante Rodrigo Pimpão precisou deixar o treino do Botafogo, na manhã desta quarta-feira, amparado por um carrinho elétrico. Desfalque no empate sem gols com a Chapecoense, na última segunda-feira, o jogador chegou a iniciar normalmente as atividades com o grupo, mas interrompeu os trabalhos, momentos depois, para receber atendimento médico no pé direito. Ele ainda tentou retornar ao gramado, mas, em seguida, voltou a sofrer com as dores no local.

Pimpão voltou a ser dúvida para o jogo de sábado, às 21h, no Beira-Rio, contra o Internacional, pela 17ª rodada do Brasileirão. Irritado, o atleta de 31 anos jogou a chuteira no gramado e iniciou o tratamento com gelo. O Departamento médico deve seguir com a avaliação até sexta-feira, véspera da partida em Porto Alegre.

Pimpão não vive boa fase no Alvinegro e vem recebendo críticas de parte da torcida. O jogador, no entanto, conta com o respaldo do comandante alvinegro Eduardo Barroca. Na semana passada, o treinador destacou a importância do atacante no esquema de jogo da equipe.

-É um cara dedicado pra caramba. Já deu alegria para a torcida do Botafogo e tem a nossa confiança. Ele vai voltar a nos ajudar como já fez em outras vezes – disse Barroca.

Fonte: Terra