Com medo de cair, Inter derruba preço dos ingressos e cobra vitória contra Botafogo

Compartilhe:

Com chances remotas de classificação para a Copa Libertadores e a seis pontos da zona do rebaixamento, hoje o Internacional é o 11º colocado do Campeonato Brasileiro, com 42 pontos. Por conta disso, a direção colorada resolveu realizar uma promoção para levar o torcedor ao Estádio Centenário no próximo domingo, contra o Botafogo.

Willians confia na reação do Inter contra o Botafogo Foto: Alexandre Lops/Internacional / Divulgação
Willians confia na reação do Inter contra o Botafogo
Foto: Alexandre Lops/Internacional / Divulgação

 Sócios em dia e mulheres não pagam ingresso no setor de arquibancada, assim como crianças menores de 11 anos, com identidade e acompanhado de um responsável. Os torcedores que não são sócios irão pagar um valor reduzido, com a arquibancada popular custando R$ 10,00, arquibancada central R$ 20,00 e cadeiras R$ 40,00.

 Segundo os cálculos da direção colorada, é necessário conquistar mais seis pontos nos seis jogos que restam no Brasileiro para evitar o fantasma do rebaixamento. A cinco jogos sem vencer, entre compromissos no Brasileiro e Copa do Brasil, a vitória na próxima rodada diante do Botafogo virou questão de honra para a direção colorada.

 “Este grupo tem condições de reverter esta situação. A solução está no grupo de jogadores e é obrigação vencer o Botafogo na próxima rodada. Não vou aceitar outro resultado do que a vitória diante do Botafogo”, destacou Marcelo Medeiros, diretor de futebol do Inter.

 O discurso da direção colorada é o mesmo entre os jogadores. O volante Willians reconhece que a campanha do Inter no Brasileiro não corresponde com o valor investido pelo clube para formar o grupo de jogadores.

 “Zona de rebaixamento não pode existir entre a gente. A nossa equipe está focada, sabe do risco que estamos passando e precisamos vencer para dar um pouco de alegria ao nosso torcedor. Temos um grupo de qualidade, experiente e que vai dar a volta por cima”, destacou Willians.

Fonte: Terra

Comentários