O Botafogo completou nesta quarta-feira a quarta partida seguida sem marcar gols, na derrota para o Atlético-MG por 1 a 0 no Estádio Nilton Santos pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. A situação é delicada para a partida de volta, semana que vem, no Horto. O atacante Erik admitiu que ele e toda a equipe estão deixando a desejar.

– Não estou vivendo um grande momento. Temos que trabalhar mais ainda, evoluir, buscar me cobrar, ver onde estou errando, para recuperar aquela alegria, aquele bom futebol. É nesse momento que o jogador tem que crescer. Temos que assumir nossas responsabilidades e nos cobrar. Precisamos dar a volta por cima. Não sou homem de fugir de momento difícil, é nesses momentos que eu coloco a cara mesmo. Em nossas vidas não acontecerão só vitórias – disse Erik na zona mista.

Antes da partida de volta contra o Atlético-MG, o Botafogo tem pela frente o clássico contra o Flamengo, domingo, no Maracanã. Por conta disso, Erik pediu que os jogadores ergam a cabeça novamente para a sequência de confrontos difíceis que virá.

– Foi uma derrota dolorosa, mas temos que manter a cabeça erguida. Estou bastante chateado, mas tem que seguir em frente. Temos uma grande decisão já no fim de semana e na quarta que vem tem a volta e não tem nada perdido ainda.

Fonte: Redação FogãoNET