O duelo entre Botafogo e Sport, nesta quarta-feira, às 21h45, no Estádio Nilton Santos, pela Copa do Brasil, irá marcar o duelo entre duas equipes que ficaram marcadas pelas bicicletas em 2017: o Botafogo – que balançou as redes com Rodrigo Pimpão, Roger e Sassá desse jeito – e pelo Sport, que tem em Diego Souza – que já chegou até a dar assistência de bicicleta, em jogo pela Copa Sul-Americana – seu representante nos golaços com esse estilo de finalização.

Até sabendo do confronto entre duas equipes que tem a bicicleta como marca registrada na temporada, Rodrigo Pimpão aproveitou para brincar com o rival Diego Souza – do Sport – sobre quem aprendeu antes a marcar gols no estilo.

– O Diego Souza é um jogador de nível seleção, diferenciado. Temos que tomar cuidado, alguma hora dá um drible, uma finalização… temos que ter cuidado. E acho que, pela idade (Diego é mais velho), ele deve ter aprendido antes (risos). Mas aqui ele não vai fazer não – brincou o atacante alvinegro em coletiva.

No Botafogo, os gols de bicicleta ajudaram a equipe a se classificar e manter a primeira posição no grupo A da Libertadores. Na equipe do Sport, a bicicleta de Diego Souza garantiu classificação na Copa do Nordeste e vaga encaminhada na Copa Sul-Americana. Quem será o beneficiado agora, na Copa do Brasil?

Fonte: Terra