Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

X

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

10/04/21 às 21:05 - Raulino de Oliveira

Escudo Volta Redonda
VRE

2

X

2

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

04/04/21 às 17:00 - Giulite Coutinho

Escudo Botafogo
BOT

1

X

1

Escudo Portuguesa
POR

Coordenador científico do Botafogo diz que jogo pela seleção agravou lesão e projeta retorno de Gatito

35 comentários

Compartilhe

Altamiro Bottino - Botafogo
Vitor Silva/Botafogo

Coordenador científico do Botafogo, Altamiro Bottino foi procurado pela reportagem do “GE” para tratar do assunto Gatito Fernández, que rendeu um amplo debate esta semana. Ele espera que o paraguaio retorne em breve aos treinamentos.

– Está em franca recuperação e evoluindo como planejado. Deverá voltar aos treinos progressivamente no início da temporada 2021, o que não significa estar à disposição do clube para jogos – afirmou Altamiro.

Contratado na virada do ano pela nova gestão, Altamiro Bottino chegou bem depois de toda a polêmica da ida de Gatito para defender a seleção do Paraguaio mesmo não estando recuperado, o que agravou a lesão no joelho.

– De fato, a lesão que ele tinha antes de jogar pela seleção paraguaia requeria tratamento conservador, impedia-o de treinar e vinha sendo conduzida de maneira adequada. Foi constatada piora significativa do quadro após novo exame de imagem no seu retorno da seleção – confirmou.

Gatito poderia ter jogado no sacrifício?

Ao ser questionado sobre se havia possibilidade de Gatito Fernández ter atuado no sacrifício nas últimas semanas dada a necessidade do Botafogo de obter resultados, Altamiro Bottino foi enfático.

– Essa é uma pergunta fácil de responder. Se com um jogo o quadro se agravou exigindo condutas muito mais restritivas como as que ocorrem no momento, em que o atleta já passou duas semanas de muletas sem poder despejar carga sobre o segmento. Acrescentamos que o termo sacrifício já não se justifica no mundo moderno. Os deuses não diminuirão sua ira sob estas ou quaisquer outras circunstâncias. Isso cabe no imaginário popular mas não no alto desempenho – disse.

Fonte: Redação FogãoNET e GE

Comentários