Crise esvazia festa e jovens desconhecidos viram modelos

Compartilhe:

O Botafogo lançou na última sexta-feira o seu uniforme para a sequência da temporada. Mas a grande festa organizada pelo clube e pela patrocinadora não conseguiu se afastar dos problemas internos que rondam o campeão carioca.

O enorme vazio deu-se devido à ausência das principais lideranças do elenco, como Seedorf e Jefferson, por exemplo. Era desejo do Glorioso e da Puma que alguns dos atuais ídolos alvinegros servissem de modelos para o lançamento, a exemplo do ano passado. Na ocasião, estrelas como Loco Abreu, Renato, Elkeson, Fellype Gabriel e o próprio Jefferson participaram da festa promocional.

Com os salários atrasados, a cúpula do futebol alvinegro ficou sem clima para pedir aos medalhões que participassem da festa. Sendo assim, a diretoria escalou de última hora algumas revelações das divisões de base alvinegra como Matheus, Andrey e Renan Lemos para terem a honra de vestir a nova camisa do Botafogo pela primeira vez. Curiosamente, o meia-atacante Vitinho – principal jogador do atual elenco dentre os que vieram da base – ficou fora da festa.

– A ausência dos principais jogadores não afetou em nada. O Botafogo tem história na revelação de jogadores. Tenho certeza que estes jovens estão nos profissionais no futuro. Como somos uma empresa jovem, é de total interesse das duas partes trabalhar com revelações – afirmou João Diago, responsável pela área de futebol da Puma.

Apesar das ausências, a festa foi um sucesso e surpreendeu com alguns efeitos holográficos, que deram um tom futurista. Mas, sem dúvidas, teria sido melhor com a constelação completa.

Fonte: Lancenet!

Comentários