Cuca: ‘Botafogo foi time que mais gostei. Galo está quase igual’

Compartilhe:

O técnico Cuca esta na semana que completará dois anos de Atlético-MG e irá encontrar o velho Botafogo três vezes em quatro semanas, assim como foi na temporada de 2011, quando o comandante chegou em Belo Horizonte. Mas, naquela ocasião do passado, Cuca lembrou que o time do Atlético era inferior ao atual, mesmo com o campeão da Libertadores em má fase.

– Jogava uma partida pelo Brasileiro e Copa do Brasil (Sul-Americana) contra o Botafogo. Nosso momento hoje é muito melhor do que aquele, o Botafogo está melhor, tem tudo para ser três grandes partidas, começando por amanhã – afirmou o treinador.

Em 2011, o Galo perdeu os três confrontos diante do Fogão, entre os dias 10 e 23 de agosto, sendo que o primeiro duelo foi no Ipatingão, pela Sul-Americana, e derrota por 2 a 1. Depois, enfrentou o time carioca no Brasileirão e novo tropeço, por 3 a 1 dessa vez. E a última partida da sequência foi um 1 a 0 para o Botafogo, também no Engenhão, eliminando o Galo da Sul-Americana.

De lá para cá, o Alvinegro mineiro escapou de um rebaixamento, foi vice-campeão brasileiro no ano seguinte e levantou o inédito título da Copa Libertadores. Para Cuca, não houve só a redução do peso do treinador, como o fim da fama de azarado.

– Perdi peso. Quando vim para o atlético, em agosto, o Atlético estava com pontuação ruim, objetivo era fugir do rebaixamento, 2012 fomos campeões mineiros invictos e vice-brasileiro, 2013 a gente foi campeão mineiro, da Libertadores, temos mais três competições importantes, ano que vem temos a Recopa, temos de novo a Libertadores – afirmou o técnico, colocando o Galo em um patamar igual ao do Fogão em termos de afinidade:

– Falei que o lugar que mais gostei é o Botafogo, mas o Atlético já está quase igual, um lugar que gosto muito.



Fonte: Lancenet!
Comentários