Cuca quer o São Paulo com um perfil diferente no Campeonato Brasileiro. O treinador ainda nem sequer dirigiu o time, mas está trabalhando junto com os integrantes do departamento de futebol para deixar a equipe tricolor mais aguerrida e veloz. Para tanto, algumas peças deverão ser mexidas. Como o clube não vive uma situação financeira tão tranquila após a queda precoce na Copa Libertadores, saídas de atletas para a redução na folha salarial são necessárias para tal verba ser redirecionada em reforços.

Neste sentido, uma possível transferência de Diego Souza para o Botafogo se encaixa no desejo do treinador. Como se sabe, o atacante recebe um dos maiores salários no Morumbi. Apesar de Cuca ter solicitado a contratação do camisa 9 quando dirigia o Palmeiras, em 2017, neste momento ele não vê o veterano, de 33 anos, como peça imprescindível no elenco tricolor.

Outros jogadores podem seguir esse caminho, como Nenê e Bruno Peres. Questionado por muitos dentro do Morumbi, o volante Jucilei ganhou um voto de confiança de Cuca – os dois trabalharam juntos no Shandong Luneng, na China.

Na última semana, o treinador já esteve no Morumbi e participou de uma reunião com o executivo de futebol, Raí, o superintendente de relações institucionais do clube, Lugano, e com gerente-executivo, Alexandre Pássaro, para entender um pouco melhor a situação que está o São Paulo. Em um dado momento, ele ainda conversou com o diretor financeiro, Elias Albarello.

No encontro, Cuca também expôs um pouco mais do que pretende ter em mãos para trabalhar. A partir desta reunião, ficou claro para todos que essas mudanças no elenco devem ocorrer nas próximas semanas.

Fonte: UOL