Rodrigo Lindoso vive um momento especial em sua carreira. O volante renovou seu contrato com o Botafogo por mais duas temporadas e se tornou uma da peças de grande importância no esquema do técnico Jair Ventura para esta temporada.

A renovação de seu vínculo, que agora vai até o final de 2018, foi bastante celebrada pelo volante. Um jogador que esteve nos piores momentos do time nos últimos anos, durante a Série B de 2015. E agora celebra a boa campanha no Campeonato Brasileiro e na Libertadores.

“Foi bem (a renovação), dá tranquilidade. Mas claro que também te traz muita responsabilidade. Como já venho desde 2015, é minha segunda renovação de contrato com o Botafogo. Isso faz parte do belo trabalho que eu venho fazendo e da minha dedicação ao clube. Seguiu tudo conforme eu planejava”, disse Lindoso ao Globoesporte.com

E com a renovação, também vem as responsabilidades. Um dos principais líderes do elenco botafoguense, Rodrigo Lindoso não é do tipo de jogador que faz fortes cobranças ‘para todo mundo ver’. O volante prefere um jeito mais comedido de ajudar o elenco.

“Já vivi muita coisa. Quando o Carli e o Jefferson não puderam jogar, o Jair me deu a faixa de capitão. Isso é bom, é uma responsabilidade que gosto. Sinto que eu tenho uma parcela de importância no time, mas aqui tem jogador que chegou há pouco e tem a última palavra. Aqui não tem vaidade alguma. Nosso capitão Jefferson, que é um ídolo do clube, não tem vaidade. Então, o grupo em si é mais importante”, declarou.

Fonte: Torcedores.com e Globoesporte.com