Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Desafio para o Botafogo: rival, Corinthians ainda não perdeu fora de casa com Vagner Mancini

9 comentários

Compartilhe

Vagner Mancini, técnico do Corinthians e ex-treinador do Botafogo
Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians ainda não perdeu como visitante no Campeonato Brasileiro desde que o técnico Vagner Mancini assumiu o comando da equipe, em outubro. Isso dá um ânimo a mais ao time, que vai até o Rio de Janeiro neste domingo, às 16h, para enfrentar o Botafogo, o pior mandante, pela 27ª rodada da competição.

Desde 12 de outubro, o Alvinegro já teve cinco partidas fora da Neo Química Arena e somou três vitórias (Athletico-PR, Vasco e Coritiba) e dois empates (Atlético-GO e Fortaleza), portanto, 11 pontos de 15 possíveis, com um aproveitamento de 73,3% no Brasileirão fora de casa. A fase visitante do Corinthians, aliás, é melhor do que a como mandante. São três vitórias, um empate e duas derrotas, com dez pontos conquistados de 18 possíveis, com um aproveitamento de 55,56%.

Por outro lado, o Botafogo não vive um bom momento, já que é o 18º colocado do Brasileiro e o pior mandante da competição: em 13 jogos disputados em casa, o time de Eduardo Barroca tem duas vitórias, cinco empates e seis derrotas, totalizando apenas 11 pontos.

A última derrota do Corinthians fora de seus domínios, portanto, foi quando o time ainda era comandado pelo interino Dyego Coelho, no dia 11 de outubro, no revés contra o Ceará por 2 a 1, na Arena Castelão.

Para o jogo deste domingo, Mancini não terá Bruno Méndez, suspenso pelo terceiro amarelo, e uma provável escalação tem: Walter (Cássio), Fagner, Jemerson (Marllon), Gil e Fábio Santos; Gabriel, Ramiro e Cazares; Gustavo Mosquito, Otero e Jô.

Fonte: Terra

Comentários