Com a pressão enorme neste início de temporada, Nelson Mufarrej e Gustavo Noronha, presidente e vice-presidente de futebol do Botafogo, respectivamente, foram à sala de imprensa do Estádio Nilton Santos, nesta sexta-feira, para prestarem esclarecimentos à torcida, sobretudo. 

Além de confirmarem a proximidade do acerto de Cícero, os dirigentes alvinegros comentaram que houve uma discussão interna em prol da evolução da equipe de Zé Ricardo, tido como “prestigiado”, na mesma entrevista. 

– O resultado é inaceitável. Um clube do presidente até o primeiro funcionário, ninguém aceita. Início muito aquém. Toda a formação do elenco, questão física normal, elenco muito desnivelado ainda. Sempre leva um tempo para nivelar a parte física. Ainda assim não esperávamos esse início. Mas vamos recuperar. Ano passado começamos mal e fomos campeões. É trabalhar, não tem outra receita. Tivemos essa reunião hoje para avaliar tudo o que aconteceu. Tem que melhorar em quase tudo na verdade. Passamos por mais uma reavaliação de elenco, necessidade de reforços. Estamos confiantes de que as coisas vão melhorar. Temos três jogos decisivos agora pela Sul-Americana e Copa do Brasil – comentou Noronha, após as seguintes palavras de Mufarrej:

– Viemos para dar uma satisfação à torcida. O que estamos fazendo, não só antes, hoje e no futuro. Estamos trabalhando pelo Botafogo, procurando acertar de maneira boa para que possamos ter representação no campeonato. Infelizmente tivemos essas derrotas. Estamos fora da Taça Guanabara. Tivemos uma reunião hoje com todo o departamento de futebol sobre o que está acontecendo. Houve cobrança grande. Muitas peças foram mudadas. É um fator importante. Mas pedimos a torcida que realmente entenda que venha prestigiar o Botafogo em seus jogos. Acho isso muito importante. Sei que ela gosta de ajudar o clube e os jogadores. Por isso estamos aqui para dar essa satisfação. 

Fonte: Terra