Carlos Alberto será jogador do Al Dhafra, dos Emirados Árabes Unidos. Após participar da campanha que levou o Botafogo para a segunda divisão no último Brasileiro, o meia de 30 anos se desligou da equipe carioca e acertou sua transferência para o Oriente Médio.

Al Dhafra será o 11º clube que o jogador defende, o terceiro no exterior, depois de Porto-POR e Werder Bremen-ALE. No Brasil, ele passou por Fluminense (duas vezes), Corinthians, São Paulo, Botafogo (duas vezes), Vasco (duas vezes), Grêmio, Bahia e Goiás.

“Sempre quis jogar no mundo árabe, e acho que esse é o melhor momento para mim. Há alguns anos, os jogadores iam pra lá apenas pensando na independência financeira. Hoje, vão para ganhar dinheiro, claro, mas a estrutura já é outra, melhorou muito, e dá para se viver bem com a família”, disse.

Carlos Alberto fechou contrato de um ano com o time dos EAU. Como lá o calendário é igual ao europeu (temporada começa em agosto e vai até maio), o meia projeta dificuldades, mas espera deixar uma boa impressão.

“Chegarei no meio da temporada, as férias são em maio e meu contrato vai até o meio da temporada seguinte. Quero voltar a mostrar o meu futebol para, quem sabe, abrir outras portas.

Fonte: UOL