Duelo particular: Rafael Marques e Hernane lutam por sonho de infância no Maracanã

Compartilhe:

O jogo é válido pelas quartas de final da Copa do Brasil, o clima é de final de campeonato. Não deixa de ser uma grande decisão: quem vencer o duelo entre Flamengo e Botafogo, na noite desta quarta-feira, avança às semifinais. O perdedor do segundo jogo do mata-mata, consequentemente, se despede da competição – o primeiro terminou empatado em 1 a 1. O clássico terá um duelo particular entre o rubro-negro Hernane e o alvinegro Rafael Marques. Os dois querem brilhar no Maracanã e lembram de um sonho de infância ao falar do estádio. O discurso parece até combinado.

– Todo jogador tem o sonho de jogar no Maraca e hoje estou realizando ele – disse Hernane.

– Poder marcar gols no Maracanã é um sonho de criança e hoje está sendo realizado – afirmou Rafael Marques.

Ambos têm razões para acreditar que mais um sonho pode virar realidade nesta quarta-feira. Os números reforçam a confiança e a esperança de balançar a rede. Hernane tem 28 gols pelo Flamengo, em 47 jogos. No Maraca, a média é de um gol por partida: 11 gols em 11 jogos. Rafael Marques está em desvantagem nesta conta, com seis gols em 14 partidas, diferença que espera diminuir no clássico, embora evite uma competição direta com o camisa 9 rubro-negro.

– Não é briga entre mim e Hernane e sim de Botafogo e Flamengo – destaca o botafoguense.

Rafael Marques, Botafogo, e Hernane, do Flamengo (Foto: Reprodução)
Rafael Marques, Botafogo, e Hernane, do Flamengo, podem ser decisivos nesta quarta (Foto: Reprodução)

Apesar da tentativa, a comparação é inevitável. Os dois são os artilheiros dos times e, embora não sejam mais garotos, comemoram o grande momento na carreira. Rafael Marques, aos 30, diz viver a melhor fase de toda a vida. Hernane, 27 anos, igualou a marca de Edilson, que marcou 28 gols em 2001, e divide o posto de maior artilheiro do clube em uma temporada no século XXI. Com mais um, será o dono da marca.

– Posso melhorar. Bom nunca está. Você tem que querer mais. Então, pretendo aumentar essa marca. A confiança cada vez mais vai aumentando – garantiu o Brocador. 

estádio maracanã botafogo e Atlético-mg copa do Brasil (Foto: André Casado)
Maraca será palco do duelo decisivo pelas quartas de final da Copa do Brasil (André Casado)

Cada um já fez dois gols no adversário em 2013. Não há dúvidas de que marcar no duelo que decidirá uma vaga na semifinal da Copa do Brasil seria especial, ainda mais tratando-se de um clássico. E o Maraca inspira ainda mais.

– A gente sabe que é o palco do futebol. Não tem como comentar de futebol e não falar de Maracanã – disse Rafael Marques.

No estádio, atual casa dos dois clubes, Hernane garante: está bem à vontade.

– Cada vez que entro no Maraca fica mais tranquilo para fazer gols – afirmou.

Fonte: Sportv.com

Comentários