A diretoria do Botafogo admite a necessidade de reforçar o elenco para o restante da temporada e aproveita a parada da Copa América para mapear o mercado em busca de bons nomes. Até o momento, o atacante Victor Rangel, ex-CRB, foi anunciado e o também atacante Biro Biro, ex-São Paulo, tem acerto encaminhado. Com o chileno Leo Valencia fora dos planos do técnico Eduardo Barroca e Gustavo Ferrareis de saída, o foco da diretoria alvinegra passou a ser um camisa 10.

Embora tenha carências no plantel, o clube de General Severiano atravessa uma grave crise financeira e não possui recursos para investir em contratações. Por isso, o Glorioso poderá recorrer aos atletas das categorias de base, velhos conhecidos do comandante do profissional.

– Quando cheguei aqui, encontrei muitos jogadores que já tinham trabalhado comigo. Isso facilita muito, eu os conhecia e eles conheciam minhas características. Nesse momento atual, completando dois meses do Botafogo, já estou bastante ambientado ao que o sub-20 está fazendo nesse momento. Eu tenho conversado, quase diariamente, com o Marcos Soares (treinador da categoria), Tiano Gomes (Gerente da Base) e Manoel Renha (Dir. Futebol das Categorias de Base). Recebo relatórios, vídeos, tenho trazido constantemente jogadores para treinar no profissional. Esse acompanhamento, agora como técnico profissional, eu venho fazendo, até porque conheço quase todos os jogadores do sub-20 – comentou Eduardo Barroca em entrevista à Botafogo TV.

Até o momento em 2019, o sub-20 chegou até a semifinal da Taça Guanabara e estreou com vitória por 3 a 1 sobre o Atlético-MG no Campeonato Brasileiro. Eduardo Barroca destacou a relevância da competição nacional como teste para o futuro dos atletas no profissional e deu pistas de alguns nomes que podem pintar em breve na equipe.

– O Campeonato Brasileiro é uma competição que dá bastante referência para a gente, então é importante que jogadores como Caio Alexandre, Rhuan, Pimenta, Lucas Alves, Luis Henrique, jogadores que eu tenho um conhecimento bastante amplo, tenham a oportunidade de jogar. Eu estarei acompanhando e, nas necessidades em trazê-los ao futebol profissional, trazê-los cada vez mais para perto, e diminuir a distância para o sub-20, para que no momento certo nós possamos aproveitá-los aqui.

E a equipe sub-20 ganhou um reforço para a continuidade de 2019. O atacante Maxuel, ex-Primavera, assinou contrato de empréstimo de um ano e meio, com opção de compra, na última quinta feira. O jogador marcou 10 gols em 11 partidas pelo Campeonato Paulista.

A equipe sub-20, treinada por Marcos Soares enfrenta o Palmeiras pela segunda rodada do Brasileiro da categoria na próxima quarta. Já o profissional, treinado por Eduardo Barroca, só entra em campo no dia 14 de julho, também pelo campeonato nacional, em Belo Horizonte, contra o Cruzeiro, pela décima rodada. O Botafogo soma 15 pontos e é o 7° colocado.

Fonte: Terra