Titular absoluto na lateral-direita do Botafogo e um dos destaques da equipe na temporada 2015, Gilberto vive uma ótima fase e já começa a vislumbrar novos horizontes. Com idade olímpica, o jogador alvinegro alimenta o sonho de conquistar uma vaga entre os 18 convocados por Dunga que vão tentar a medalha de ouro inédita nas Olimpíadas do Rio, em 2016.

Gilberto tem passagens pelas Seleções de base e já conhecia Alexandre Gallo, ex-técnico da Seleção Olímpica. Mas ele garante que não deixará de ter esperanças por causa da mudança no comando, já que Dunga agora assumirá o time que representará o Brasil no Rio-2016.

“Já trabalhei com o (Alexandre) Gallo e sempre tive esperança de voltar à Seleção. Não é pela mudança que vou deixar de ter. Jogo num clube gigante do Brasil e, se jogar bem e mostrar qualidade dentro de campo, posso ganhar uma vaga. Mesmo jogando na Série B, o Botafogo é uma porta aberta, sempre revelou jogadores para a Seleção e isso me motiva”, afirmou.

Constantemente convocado tanto para Seleção Olímpica, quanto para a principal, Fabinho, do Monaco (FRA), deve ser o titular da posição nas Olimpíadas. Para a reserva, Maicon, do Livorno (ITA) e Cláudio Winck, ex-companheiro de Gilberto no Internacional, são os concorrentes do jogador alvinegro.

Fonte: O Dia Online