Canales chegou ao Botafogo para ser a solução do ataque do Botafogo. Ainda assim, o Alvinegro teve de esperar um mês para a estreia do atacante, que chegou com o pé direito lesionado. O argentino só foi a campo na partida contra o Flamengo, entrando no segundo tempo. Contra o Chapecoense, foi titular pela primeira vez. Apesar de ter sido motivo de elogios de Ricardo Gomes, o jogador garantiu que ainda não está no mesmo condicionamento físico de seus companheiros de equipe.

“Estou me se sentindo bem, à parte do que estamos passando futebolisticamente falando. Me receberam muito bem, meus companheiros, todos no clube me trataram muito bem. Tenho de melhorar a parte que me compete que é jogar, fazê-lo bem, estou em uma etapa de melhora, ir ganhando minutos, é o que vai me fazer render e ser o jogador que o Botafogo quer que eu seja”, disse Canales, que completou:

“Estou melhor, o corpo médico do clube fez um trabalho muito bom comigo, tiveram a paciência necessária para que siga melhorando e que comece a entrar em forma. Três meses sem jogar é muito tempo para o nível alto do futebol brasileiro. Não estou no mesmo nível físico e futebolístico dos meus companheiros. Tenho que trabalhar muito para ajudar a equipe.”

Desde que começou a jogar pelo Botafogo, Canales ainda não saiu de campo com vitórias. Foi um empate contra o Flamengo e uma derrota para a Chapecoense. Em meio à má fase alvinegra, o atacante manteve o otimismo e garantiu que o time deixará a zona de rebaixamento.

“É um momento complicado, difícil, não esperávamos a esta altura do campeonato estar nessa zona, mas a pressão sempre há. Se estivéssemos mais acima, a pressão seria para se manter. Hoje nos compete estar nessa zona que não gostamos, mas não tenho dúvida de que temos jogadores para seguir adiante”, concluiu.

Com 17 pontos, na 17ª colocação na tabela do Campeonato Brasileiro, o Botafogo volta a jogar pela competição no domingo, contra o Palmeiras, às 18h30, na Arena Botafogo. Antes disso, porém, en cara o Bragantino pela Copa do Brasil, na quarta-feira, às 19h30.

Fonte: O Dia Online