O triunfo diante do Vitória em Salvador fez o Botafogo subir na tabela e ocupar a 12ª colocação no Campeonato Brasileiro. Resultado importante, mas não o suficiente para as prentensões alvinegras na competição. O próximo jogo será diante do São Paulo, domingo, no Estádio Nilton Santos e o atacante Erik, jogador que não sabe o que é perder em casa desde sua chegada ao Glorioso, projeta uma semana de muito trabalho e um jogo com muito apoio do torcedor botafoguense para engrenar a terceira vitória seguida.

– Muita coisa aconteceu. Muita coisa boa. Acabar o jogo e ver o vestiário com a alegria da vitória foi muito importante. Cheguei num momento difícil e não vim para ser o salvador de tudo, mas para dar o meu melhor e honrar essa camisa. As coisas estão acontecendo e fico feliz. É um processo de evolução e vencer fora de casa foi muito bom. Espero que essa nossa confiança só cresça. Desde quando cheguei aqui só tivemos resultados positivos em casa. Temos que ter sempre em mente coisas boas e trabalhar para fazermos um bom jogo domingo. Pensar sim no São Paulo, mas também na gente e no nosso dia a dia – disse Erik.

Confira os principais trechos da entrevista coletiva do atacante Erik:

ATENÇÃO REDOBRADA 

– É um alerta e precisamos entrar ligados. O início e o fim são momentos importantes e que sirva de lição para que não aconteça nos próximos jogos. Que bom que fizemos muitos gols e conseguimos vencer a partida. Bom tambem que o kieza voltou a marcar, quero poder serví-lo também. Não só ele, até o Lindoso que pareceu até um atacante finalizando aquela bola.

EVOLUIR SEMPRE

– Sempre quando tem algo que não está bom é preciso melhorar. No vestiário sempre nos cobramos. Querendo ou não sempre queremos a alegria do nosso torcedor.

RESPONSABILIDADE 

– Tomei uma decisão e não fujo de nenhuma responsabilidade da minha vida. Acredito que se faço o gols meus companheiros não ficariam chateados. Espero crescer com esse erro e que eu possa servir como já fiz em outros jogos.

COMEMORAÇÃO ESPECIAL

– Já repeti esse gesto em outras oportunidades. É a inicial do nome da minha esposa e da minha mãe. Respeito total(risos).

GOL OFERECIDO AO PAI ALVINEGRO 

– É um cara muito especial e que representa muito nesse meu primeiro gol. Espero que ele fique muito feliz.

APOIO DO TORCEDOR

– Acho que chamar o torcedor agora nem é preciso. As coisas mudam muito rápido, estamos evoluindo e tenho certeza que estarão aqui no domingo para nos apoiar. Raça nunca vai faltar e a nossa casa a gente conversa. Vamos em busca desse resultado e ainda temos muita coisa para trabalhar durante a semana.

PENSAMENTO VENCEDOR

– Estamos em 12º e temos que sempre buscar grandes coisas na nossa vida. Nunca pensei em empatar um jogo. Sempre em vencer. O pensamento está em voos maiores.

Fonte: Site oficial do Botafogo