Estatísticas: líder em passes errados, Botafogo perde posto de maior finalizador

Compartilhe:

Antes do início da 31ª rodada, o Botafogo era o líder no ranking de finalizações do Campeonato Brasileiro, com média de 14,8 arremates por partida. Na vitória por 1 a 0 sobre o Atlético-MG, o Glorioso manteve seu rendimento e concluiu 14 vezes a gol, totalizando 459 na competição. Porém, o número não foi suficiente para seguir liderando o quesito. Simultaneamente ao jogo no Maracanã, o líder Cruzeiro bombardeou o Criciúma no triunfo por 5 a 3 no Mineirão. Com 21 conclusões, o time mineiro chegou a 463 e assumiu o posto de maior finalizador da Série A: média de 14,9 por rodada. Apesar de terem um jogo a mais, as duas equipes têm larga vantagem para o Internacional, terceiro da lista com 412.

Finalizações no Brasileiro
 
Rafael Marques: 73
Seedorf  e Vitinho: 52
Lodeiro: 51
Elias: 23
Dória: 20

Dono de seis arremates contra o Atlético-MG, Rafael Marques continua o destaque do Botafogo no quesito. Ao todo, o atacante já fez 73 conclusões no campeonato e só está atrás de Rafael Sobis (100), do Fluminense, Walter (98), do Goiás, e Fernandão (75), do Bahia. Seedorf, com 52,  é o segundo que mais finaliza do Glorioso – ao lado de Vitinho, vendido ao CSKA, da Rússia, em agosto. Lodeiro completa o pódio alvinegro com 51.

rafael marques botafogo marcos rocha atlético-mg série A (Foto: Satiro Sodré / SSPress)
Rafael Marques e um de seus seis chutes no jogo: atacante lidera quesito no Bota (Foto: Satiro Sodré/SSPress)

Bota lidera ranking negativo: passes errados

Em outro quesito, o Botafogo está longe de ter a liderança ameaçada. Porém, o ranking é negativo. O time é o que mais erra passes no campeonato. Contra o Atlético-MG, os jogadores erraram 46 vezes, agora acumulando 1.140 passes sem sucesso. O técnico Oswaldo de Oliveira observou o problema e disse ter cobrado dos atletas no vestiário.

Passes errados no Brasileiro:
 
Seedorf: 149
Rafael Marques: 112
Julio Cesar: 99
Dória: 91
Lodeiro: 90

– O Botafogo estava hesitando muito em situações que faz com mais fluência. Essa bola do Dória e do Bolívar tem que sair com mais precisão e preparada. Reforcei isso no intervalo. Era o ponto mais importante e se não melhorasse não chegaria no gol – disse, fazendo referência aos três erros de Bolívar e aos cinco de Dória na saída de bola.

O time mais próximo no topo da lista é o São Paulo, que ainda entra em campo neste domingo, mas está distante – 140 falhas atrás do Alvinegro. Seedorf, com 149 erros, lidera o ranking individual do campeonato, seguido de perto por Egídio, do Cruzeiro, com 144. Rafael Marques é o companheiro de time mais próximo do holandês, com 112 falhas. E Julio Cesar, autor do gol da vitória na última rodada, completa o pódio negativo com o número 99.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários