Ex-vice de futebol teme atraso no processo de modernização do Botafogo com rebaixamento e fala sobre a S/A

21 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

André Silva - Botafogo 2012
Reprodução

Ex-vice presidente de futebol do Botafogo, André Silva afirmou em entrevista à Rádio Brasil que teme que o rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro atrapalhe o processo de modernização preconizado pelo novo presidente Durcesio Mello. Para ele, a queda nas receitas será um fator complicador para a já difícil situação do clube.

– Temos acompanhado com uma certa tristeza e muita preocupação. Hoje pensar numa Série B é desastroso para as finanças do Botafogo. Embora seja difícil escapar, eu ainda acredito, não é impossível. É uma gestão que inicia agora que teria a infelicidade de diminuir um enorme valor em seus recursos. Isso traz uma preocupação muito grande para a gestão Durcesio, que se comprometeu a profissionalizar o clube, ter um atraso nesse processo nessa diferença financeira – afirmou André Silva.

O ex-dirigente falou ainda sobre a Botafogo S/A, que hoje tem um segundo projeto em andamento após o primeiro, capitaneado pelo advogado Laercio Paiva, ter sido abandonado. Ele seria um dos investidores no projeto inicial, mas lamentou não ter tido acesso ao novo projeto, tocado pelo empresário Gustavo Magalhães.

– Eu participei de algumas reuniões do primeiro grupo, que era coordenado pelo Laercio, e fiquei muito bem impressionado, com uma estrutura jurídica feita pelos melhores advogados da área. Acreditei muito no projeto, tentei expandir para amigos que pudessem vir como investidores. Esse segundo projeto não conheço, não me foi apresentado nada. O normal é você apresentar aos possíveis investidores que estavam na primeira fase, para poder trazê-los para o projeto. Não sei em que pé está, não conheço o profissional que está tocando, mas torço muito para que dê certo. O Botafogo precisa de uma modificação para poder melhorar sua performance. Gostaria de conhecer esse novo projeto e o que ele tem de tão novo e revolucionário a ponto de terem desistido do primeiro – disse.

Fonte: Redação FogãoNET e Rádio Brasil

Notícias relacionadas