Demitido do cargo de técnico do Botafogo após a derrota por 3 a 1 para o Flamengo, na Taça Guanabara, Felipe Conceição tem o pior aproveitamento no cargo desde que começou a Era Carlos Eduardo Pereira e Nelson Mufarrej.

Foram quatro treinadores que assumiram o comando do time nesse tempo – Renê Simões, Ricardo Gomes, Jair Ventura e Felipe Conceição –, mas Tigrão somou apenas 42,8%, bem abaixo dos antecessores.

Foram sete partidas, com três vitórias, dois empates e duas derrotas, sendo que estas que acarretaram em eliminações da equipe – na primeira fase da Copa do Brasil para a Aparecidense-GO e na semifinal da TG para o Flamengo.

O que conseguiu o melhor aproveitamento foi Renê Simões, com 69,3%, o primeiro dos contratados nessa gestão. Depois aparece Ricardo Gomes com 59% e Jair Ventura com 53,1%.

Novo técnico ainda indefinido

Segundo Barros, o clube trabalha para anunciar o novo treinador até a próxima semana. A diretoria ofereceu para Tigrão, apelido do treinador, para ele permanecer como auxiliar técnico na comissão permanente.

– Nós temos um perfil de profissional e ao longo da próxima semana nós iremos anunciar. Botafogo está seguindo o planejamento, já foram feitas quatro contratações, esperamos que eles dêem o retorno que esperamos – afirmou o dirigente.

Fonte: Extra Online