O quadro de saúde do ex-goleiro Max piorou nos últimos dias. Ex-atleta do Botafogo, ele foi submetido a testes neurológicos nesta terça-feira e não respondeu aos estímulos, segundo informou a esposa, Marilsa Faislon Luzia. Novos testes serão realizados nesta quarta-feira para saber se o ex-jogador, que respira por aparelhos, sofreu morte encefálica.

– O Max está internado no CTI do hospital da Lagoa. Está respirando por aparelhos. Ontem foram realizados testes neurológicos, mas ele não mostrou reação. Hoje eles irão realizar mais um teste para ver se houve morte encefálica. Eu estive com ele, mas é como se ele estivesse somente dormindo – disse Marilsa ao Globoesporte.com na manhã desta quarta-feira.

Max sofreu um acidente em uma tentativa de assalto em Duque de Caxias e foi internado 20 dias depois no Hospital da Lagoa, com um edema cerebral. Apesar do episódio, a esposa do goleiro revela que a estado clínico de Max pode não ter relação direta com a batida.

Fonte: Globoesporte.com