Wilson Gottardo foi o convidado de Renato Maurício Prado no programa A Última Palavra desta segunda-feira (21 de abril). O ex-jogador aproveitou para criticar a postura dos atletas do Botafogo diante da crise financeira e declarou que foi campeão brasileiro pelo clube com cinco meses de salários atrasados.

– Em toda a minha vida, quase nunca recebi em dia, sempre atrasado, dois, três, até sete meses. E nunca pensei em fazer greve. Não sei quem encabeçou este movimento, mas pela postura que tem, Bolívar não podia ter feito isso. É uma falta de respeito. Muitas vezes quando jogava, deixei de receber salário para pagar quem recebia menos, era normal na época. Fui campeão no Botafogo com cinco meses de salários atrasados e no Flamengo com quatro. Nem por isso perdi a alegria de jogar. Sempre dizia que podia ser a última oportunidade dos jogadores, falava para fazermos a dívida do clube conosco aumentar – declarou.

Fonte: Fox Sports