Agora o clube será punido nos casos de racismo que acontecerem nos estádios do Rio. Na manhã desta segunda-feira (9), foi publicada no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro a lei sancionada pelo governador do estado, Luiz Fernando Pezão, já na última semana, que prevê punições aos clubes por atos de racismo cometidos por torcedores nos estádios cariocas.

A partir deste momento, os clubes deverão adotar providências para esclarecer os fatos, como por exemplo auxiliar na identificação dos agressosres. Caso contrário, segundo aponta a lei, as agremiações poderão receber multas entre R$ 155 e R$ 155 mil, com a possibilidade da punição aumentar de acordo com a gravidade do caso e com a capacidade econômica do clube envolvido na questão. A interrupção das partidas também pode acontecer durante as agressões.

Com a lei já em vigor, os clubes têm 60 dias para se adaptarem e orientarem os torcedores sobre as mudanças. O deputados Thiago Pampolha, um dos autores do projeto – ao lado dos também deputados Jânio Mendes e Luiz Martins – pretende articular uma reunião com as torcidas organizadas, além dos clubes, para debater o assunto.

Fonte: FutRio