Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Grupo de 16 clubes da Série A faz manifesto a favor de MP de direitos de TV; Botafogo não apoia

0 comentários

Compartilhe

Jair Bolsonaro editou a MP dos direitos de televisão para os clubes mandantes
Reprodução/Jair Bolsonaro (YouTube)

Um grupo de 16 clubes da Série A divulgará um manifesto de apoio à MP 984 que dá os direitos de transmissão ao clube mandante. No total, o grupo de times soma cerca de 40 times de todas as Séries do Campeonato Brasileiro.

A MP foi assinada pelo presidente Jair Bolsonaro após articulação do Flamengo. Pela Lei Pelé, os direitos de transmissão eram divididos entre os dois times. Com a MP, passaram a ser apenas do mandante. Isso já gerou uma disputa entre o Flamengo e a Globo no Carioca.

Mochilas, bolsas e carteiras da coleção FogãoNET da Estilo Piti

Botafogo, Fluminense, Grêmio e São Paulo não assinam manifesto

Entre os clubes que assinaram, Bahia, Palmeiras, Ceará, Fortaleza, Sport, Athletico, Coritiba, Red Bull Bragantino, Atlético-MG, Atlético-GO, Flamengo, Corinthians, Goiás, Vasco, Santos e Internacional. Isso aumenta o grupo favorável à MP que já tinha o Flamengo e os oito times da Turner que já tinham ido a Bolsonaro e ao Congresso para manifestar apoio à medida.

Bandana da Costa do Marfim e Faixa Konichiwa da Estilo Piti

Pelo texto do manifesto, pelo que o blog apurou, os clubes afirmam que os torcedores terão ganhos porque acabarão os apagões de jogos e aumentarão as receitas pelas transmissão. Assim, de acordo com os clubes, haverá mais geração de empregos e crescimento de impostos.

Não apoiaram o manifesto, portanto, quatro times da Série A: Grêmio, Fluminense, Botafogo e São Paulo.

Na campanha, os clubes vão divulgar em suas redes sociais o apoio ao manifesto. Há ainda uma estratégia de fazer lobby no Congresso para conseguir a aprovação da MP junto a deputados. Por enquanto, a lei está valendo como provisória e cairá se não houver aprovação.

Fonte: Blog do Rodrigo Mattos - UOL

Comentários