Faltou pouco para o Botafogo vencer o Atlético-PR, na Arena da Baixada, com um jogador a menos. Aos 47 minutos do segundo tempo, Guilherme entrou em velocidade, tinha Bruno Silva como opção livre, preferiu o drible e o chute. A bola passou perto, mas não entrou.

Autor do gol da vitória sobre o Sport, o atacante lamentou a jogada.

– Entrei para puxar contra-ataques, tive chance, mas caprichei muito. Está bom, fizemos grande jogo, poderíamos ter vencido, mas acontece. É trabalhar para vencer domingo – disse Guilherme ao SporTV.

– Tem que caprichar, mas o muito é porque não entrou. Está bom, venho treinando. Se Deus quiser, domingo vai sair o gol e vamos vencer – completou.

Fonte: Redação FogãoNET