Sem querer entrar em detalhes, o vice-presidente de futebol do Botafogo, Gustavo Noronha, admitiu que existem conversas sobre uma possível negociação do chileno Leo Valencia para o Colo-Colo. A imprensa chilena noticiou que a diretoria alvinegra espera uma proposta em definitivo.

– Existem algumas conversas, mas não podemos detalhar nada. Qualquer coisa que se fale nesse momento atrapalha. Existem sondagens do Chile há muito tempo, mas prefiro não entrar em detalhes. Enquanto não tem nada assinado, não tem nada, no futebol é assim – disse Noronha, em entrevista ao “Canal do TF“.

Leo Valencia tem contrato com o Botafogo até julho de 2020 e especula-se que sua multa rescisória esteja entre R$ 3,2 milhões e R$ 4 milhões. O Colo-Colo precisa correr, já que a janela chilena para contratações internacionais fecha no próximo dia 22.

Vote na enquete abaixo:

Botafogo desiste de Cueva, mas segue na busca por reforços

Gustavo Noronha falou também sobre a procura de jogadores para reforçar o elenco para a sequência do Campeonato Brasileiro. Há inclusive o interesse em jogadores do mercado internacional, apesar da janela brasileira ter se fechado no dia 31 de julho – atletas que rescindiram antes desta data ainda podem ser registrados.

– Há um mapeamento muito grande que está sendo feito pelo nosso setor de captação. Há algumas oportunidades, mas não é fácil. Série B, estrangeiros sem contrato, na própria Série A jogadores que não tenham feito os 7 jogos… Estamos atentos – explicou Noronha, confirmando a desistência por Cueva, do Santos:

– Salário muito alto, é complicado. O Santos só admite vendê-lo.

Fonte: Redação FogãoNET e Canal do TF