Enfim saiu o primeiro gol de Maxi Biancucchi com a camisa tricolor. Foi na noite desta quarta-feira, na Arena Fonte Nova, onde o Bahia venceu o Villa Nova-MG por 2 a 0 e assim avançou para a segunda fase da Copa do Brasil – o jogo de ida terminou com empate de 1 a 1.

O gol do argentino, que brilhou com a camisa do maior rival do Bahia na temporada passada, saiu aos 28min do segundo tempo, em cobrança de pênalti. Maxi foi para a bola depois de ter seu nome gritado pelos torcedores, logo após Railan ter sofrido a penalidade.

Agora, na próxima fase, o Bahia encara a equipe do América-MG, que superou o Santos-AP na primeira fase e sequer precisou do segundo jogo, já que vencei o duelo de ida por 3 a 0.

Um primeiro tempo para ser esquecido. O Bahia deixou a etapa inicial vaiado por praticamente toda torcida que compareceu à Arena Fonte Nova. Faltou criatividade e sobraram passes errados. Desta forma, a equipe tricolor praticamente não incomodou o gol defendido por Braz.

“Um pouco de falta de entrosamento, principalmente eu com o Feijão. Ele acabou de chegar. Não temos um bom entrosamento. No primeiro tempo, erramos bastante. Eu, principalmente, estou tentando muito a diagonal”, admitiu o volante Uelliton na saída para o intervalo.

O time voltou mal, mas melhorou o suficiente para abrir o placar. E brilhou a estrela de Marquinhos Santos e de Henrique, que no intervalo entrou no lugar de Feijão. Logo em sua estreia, o atacante aproveitou cruzamento rasteiro e desviou para as redes, aos 17min.

E aos 28min, veio o gol que tranquilizou a torcida. Após pênalti sofrido por Railan, o argentino Maxi Biancucchi foi para a cobrança e marcou o seu primeiro gol com a camisa tricolor. 2 a 0, e festa na Fonte Nova.

Fonte: UOL