Herói da noite ao marcar os dois gols da vitória do Botafogo sobre o Sport, nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil, o atacante Guilherme dedicou o feito à esposa, que está grávida, e ao atacante Roger, que ficou no banco de reservas.

– Fiquei devendo (a comemoração com a bola na barriga). Eu esqueci na Libertadores, e ela me deu uma dura em casa. Eu te amo, amor. Esse gol é pra você, pra nossa família, para o guri ou para a guria que está vendo. O Roger é um exemplo para mim. É um pai para mim aqui no grupo. Desde a minha chegada ele me deu várias duras, conselhos. Ele é um matador nato. Me ajudou que fizesse gol, depois fiz o segundo. Então fui comemorar com ele. É um exemplo para mim – disse.

Fonte: Redação FogãoNET