Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Taça Rio

16/05/21 às 11:05 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Vasco
VAS

Taça Rio

09/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Nova Iguaçu
NOV

0

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Carioca

02/05/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

0

X

0

Escudo Nova Iguaçu
NOV

Hoje treinador, Thiago Larghi relembra início no Botafogo: ‘Foi uma época boa’

0 comentários

Por FogãoNET

Compartilhe

Hoje treinador, Thiago Larghi relembra início no Botafogo: ‘Foi uma época boa’
Reprodução/Canal do Fabiano Bandeira

Atualmente técnico de futebol, com passagem pelo Atlético-MG em 2018, Thiago Larghi iniciou a carreira no Botafogo, em 2011. Você sabia? A história foi contada pelo treinador, em live no Canal do Fabiano Bandeira.

– O Botafogo teve uma importância muito grande para mim. Em 2011 comecei como observador-técnico através de contato do Anderson Barros (gerente de futebol) com Jairo dos Santos, observador da CBF, para quem forneci muitos estudos e dados, trabalhava com ele. Anderson estava montando departamento de análise de desempenho e entendeu que seria bom para o clube, abriu o espaço. Foi uma época boa. Caio Junior me recebeu de braços abertos. Com bastante qualidade, confiança no trabalho, grupo bem montado e bom time, fizemos uma boa temporada. Em 2012 demos sequência com Oswaldo de Oliveira – explicou Thiago Larghi.

Em 2011, o Botafogo fez uma boa temporada, mas teve queda brusca de desempenho na reta final do Campeonato Brasileiro. Brigava pelo título, terminou sem vaga na Libertadores.

– Tenho a minha visão, dentro do que me competia fazer na época, lembro de belos jogos, vencemos o São Paulo no Morumbi, o Grêmio no Olímpico, o Corinthians no Pacaembu, e realmente houve queda de rendimento na reta final, não sei precisar o porquê. Mesmo assim foi uma temporada boa, positiva. Quando considera estar entre os seis primeiros, era a meta para o ano. Claro que o título seria o plus, o extra na campanha, mas foi importante. Caio Júnior saiu nas três últimas rodadas, não mantivemos o desempenho, mas ficaram coisas positivas para 2012 – lembrou.

No ano seguinte, ele trabalhou no clube com Seedorf.

– Seedorf foi fator agregador para jogadores e profissionais de comissão técnica. O Botafogo tinha uma comissão bem montada e com funcionamento bem definido. Seedorf ajudou dentro e fora de campo, culminou com vaga na Libertadores no fim de 2013. Foi fruto de sequência de trabalho – completou.

Após sair do Botafogo, no fim de 2012, Thiago Larghi foi para a Seleção Brasileira, a convite de Carlos Alberto Parreira. Ele contou que teve uma sondagem recente do Botafogo, na época de Eduardo Barroca, e que teve a oportunidade de conviver com Paulo Autuori no Athletico-PR, em conclusão de curso na CBF.

Confira a entrevista completa:

Fonte: Redação FogãoNET e Canal do Fabiano Bandeira

Notícias relacionadas
Comentários