Desde que chegou ao Botafogo em 2009, o técnico Eduardo Hungaro teve a oportunidade de passar por todas as categorias de base clube, até chegar aos juniores em 2011. Foi então que ele se tornou uma espécie de olheiro para divulgar os principais talentos que poderiam ser aproveitados para o futebol profissional. Não é toa que o elenco alvinegro conta com 15 atletas que já trabalharam com o mesmo.

A lista é formada pelos titulares Dória e Gabriel. E ainda conta com Gilberto, Matheus Menezes, Renan Lemos, Dedé, Fabiano, Gegê, Jeferson, Octávio, Cidinho, Sassá e Yguinho.  Os últimos nomes indicados por Hungaro foram o de Sidney e Daniel, que são apostas da diretoria alvinegra para 2014.

Sob o comando de Eduardo Hungaro, o Botafogo foi campeão carioca de juniores em 2011 e da Taça OPG (Taça Octávio Pinto Guimarães), em 2013 – com conquistas em cima do Flamengo. As divisões de base tem sido uma aposta da diretoria alvinegra já que o Alvinegro  tem revelado jogadores e também feito o ‘capital’ do clube girar.

Os últimos nomes que integram essa lista é o do volante Jadson – vendido à Udinese, da Itália, por cerca de R$ 6,5 milhões. E Vitinho, que foi negociado com o CSKA, da Rúsia, e fez com que o Botafogo lucrasse R$ 18,6 milhões.

Com o foco total na Copa Libertadores o Botafogo irá utilizar um time B no início da disputa do Campeonato Carioca. Conhecedor dos atletas que fazem parte das demais categorias, Eduardo Hungaro não terá dificuldades para indicar nomes para complementar a equipe.

O Botafogo se reapresenta no dia 6 de janeiro, no campo anexo do estádio Engenhão. Ainda não há definição sobre o local da pré-temporada, mas a cidade de Saquarema surge como favorita. As primeiras rodadas do Campeonato Carioca serão disputadas por um time alternativo, p

ara que os principais jogadores do elenco se concentrem no desafio pela pré-Libertadores.

Fonte: UOL