Internacional e Botafogo se enfrentam no Sul e tentam aliviar a pressão

Compartilhe:

A temperatura promete subir neste domingo em Caxias do Sul, às 17h (de Brasília), quando Internacional e Botafogo se enfrentam, no estádio Centenário. Apesar de estar em quarto lugar com 53 pontos, à frente do adversário, é o Alvinegro que está sob mais pressão. Os cariocas, que ganharam um jogo nas últimas quatro rodadas do Brasileiro, precisam de uma vitória para novamente ganhar alguma folga dentro do G-4. Estão com 53 pontos, assim como o Goiás, que nesse sábado empatou com o Flamengo.

A cobrança no Colorado não está muito abaixo, já que o time não vence há cinco partidas (quatro pelo Brasileirão e uma pela Copa do Brasil). Um bom resultado em casa representaria tranquilidade para o clube ficar menos preocupado com o risco de rebaixamento. O técnico Clemer tem muitos desfalques para este jogos e promoveu mudanças na equipe.

O retrospecto é um ponto de otimismo para o Alvinegro. Em 21 jogos disputados no Rio Grande do Sul no Brasileiro, foram oito vitórias, seis empates e sete vitórias coloradas.

A Rede Globo transmite o jogo para RJ, SC, PR (Curitiba), ES, BA, AL, PE (Petrolina), PB, RN, PI, MA, PA, AM, RO, AC, RR e AP. O PremiereFC 2 transmite a partida ao vivo para todo o Brasil, através do sistema pay-per-view. O GLOBOESPORTE.COM acompanha tudo em Tempo Real, com vídeos exclusivos.
header as escalações 2

Internacional: Clemer não fez mistério e confirmou o time. E o técnico colorado vai mudar a defesa e o meio-campo. Ednei e Fabrício serão os laterais. João Afonso, após cumprir suspensão, volta ao time. Otávio, que ficou como alternativa no último final de semana, também será titular. O Inter atuará com Muriel; Ednei, Alan, Jackson e Fabrício; João Afonso, Willians, Jorge Henrique, D’Alessandro e Otávio; Scocco.

Botafogo: a tendência é de que a equipe tenha apenas uma mudança em relação ao que perdeu para o Goiás na última rodada. Dória, que retorna de suspensão, entra no lugar de André Bahia. Desta forma, o Alvinegro deve entrar em campo com: Jefferson, Edilson, Bolívar, Dória e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Gabriel, Gegê, Seedorf e Rafael Marques; Elias.

quem esta fora (Foto: arte esporte)

Internacional: o departamento médico está lotado. Kleber sofreu uma pancada no joelho direito. Gabriel apresentou uma entorse no tornozelo esquerdo. Ronaldo Alves está com uma contusão no mesmo local. Juan e Leandro Damião, que lesionaram a coxa direita, estão sob os cuidados da fisioterapia. Índio levou o terceiro cartão amarelo. Diego Forlán está a serviço da seleção do Uruguai. Ygor e Bolatti se recuperam de cirurgias. O primeiro passou pelo procedimento no joelho esquerdo, enquanto o argentino no pé direito.

Botafogo: o uruguaio Lodeiro está com a seleção de seu país na disputa da repescagem das Eliminatórias da Copa do Mundo, contra a Jordânia, e ficará ausente das próximas três rodadas. O lateral-direito Lucas e o meia Cidinho ainda estão em processo de recondicionamento físico depois de serem submetidos a cirurgias.

header pendurados (Foto: ArteEsporte)

Internacional: Caio, Gabriel, Jackson, Juan, Muriel e Rafael Moura.

Botafogo: Elias, Gilberto, Henrique, Lodeiro, Lucas, Marcelo Mattos, Rafael Marques e Seedorf.

header o árbitro (Foto: ArteEsporte)

Heber Roberto Lopes (PR) apita o jogo, auxiliado por Alessandro Rocha de Matos (BA) e Neuza Ines Back (SC). O árbitro já trabalhou em 12 partidas deste Brasileiro, sendo duas do Alvinegro e uma do Colorado. Ele aplica três cartões amarelos, em média, e ainda não exibiu o cartão vermelho. Héber já marcou três pênaltis e tem média de 35,9 faltas assinaladas por partida. O campeonato tem média de 4,3 cartões amarelos e 0,3 cartão vermelho por jogo. Além disso, 67 pênaltis já foram assinalados até o início desta rodada, e a média de faltas é de 34,7.

header_estatisticas (Foto: arte esporte)

Internacional: o Colorado é o time que mais rouba bolas no atual Brasileirão. Já foram 468, média de 14,62 por partida. O principal ladrão é Willians, com 103 roubadas, líder absoluto no quesito entre todos os jogadores da Série A. O time gaúcho, portanto, tem pegada, mas faz poucas faltas. É o segundo menos faltoso, com 487 no total, três a mais que o Flamengo.

Botafogo: No atual campeonato, um dado preocupa o time carioca: o alto número de passes errados. Já são 1182, pior índice entre os 20 clubes, media de 36,93 por partida.

Fonte: Globoesporte.com

Comentários