O Cruzeiro pode anunciar a qualquer momento a primeira contratação da “Era Rogério Ceni“. Trata-se do atacante Ezequiel, que pertence ao Botafogo mas está emprestado ao Sport. O jogador de apenas 21 anos espera apenas a resolução de últimos detalhes entre os clubes carioca e pernambucano para vir a Belo Horizonte finalizar empréstimo até o fim do ano com a Raposa.

O atacante foi revelado pelo Botafogo e lançado no time principal do Alvinegro do Rio de Janeiro pelo técnico Jair Ventura, em 2017. E o próprio responsável por dar as primeiras chances a Ezequiel no futebol fez uma análise sobre as principais características do jogador.

O que você pode falar sobre o atacante Ezequiel, lançado por você no time principal do Botafogo, e que será o primeiro reforço de Rogério Ceni no Cruzeiro?

“O Ezequiel é um jovem muito promissor, atacante que joga pelos lados, no futebol a gente chama de ponta. Na nomenclatura atual muitos podem chamar do que quiser, mas ele atua como um ponta. É o cara do drible, da velocidade, é leve, dinâmico, agudo, tem todas as características que o Rogério Ceni gosta”, opina.

Qual o grande diferencial do Ezequiel?

“O grande diferencial dele é o um a um. Nesse tipo de jogada ele é muito bom, sabe tomar bem a decisão. Como eu disse, ele alia essa característica preponderante do um a um com outros quesitos como a velocidade. É um bom nome buscado pelo Cruzeiro”

Por que o jogador não teve sequência no Botafogo?

“Eu não posso dizer o motivo de o Ezequiel não ter ficado no Botafogo por que eu sai, né. O Santos pagou a minha multa e eu deixei o Botafogo. Se eu comentar alguma coisa estaria analisando algo do trabalho de outros companheiros. Não tenho o que comentar. O que posso dizer é que se eu tivesse permanecido no Botafogo, com certeza eu teria utilizado mais o Ezequiel”

Primeiros jogos

Os primeiros jogos de Ezequiel no Botafogo aconteceram na reta final da temporada de 2017. A estreia com a camisa do Clube da Estrela Solitária foi na derrota por 2 a 0 para o Palmeiras, na 37ª rodada do Campeonato Brasileiro, no Allianz Parque, em São Paulo. O atacante começou no banco e entrou em campo aos 36 minutos do segundo tempo na vaga do volante Rodrigo Lindoso.

Por coincidência o primeiro gol de Ezequiel na equipe principal do Botafogo foi contra o Cruzeiro, no empate em 2 a 2 do Alvinegro carioca com a Raposa, no dia 3 de dezembro de 2017, no estádio Nilton Santos (Engenhão), em jogo válido pela última rodada do Brasileirão.

Ezequiel balançou as redes de Rafael aos 24 minutos do segundo tempo e deixou o jogo empatado. Naquele momento o Cruzeiro vencia por 2 a 1. Os outros gols do jogo foram marcados por Brenner, que abriu o marcador, Thiago Neves e Arrascaeta.

Carreira

Segundo jogador que mais entrou em campo com a camisa do Sport nesta temporada, Ezequiel atuou em 30 dos 33 jogos do Leão e marcou quatro gols. O jogador foi eleito o craque do Campeonato Pernambucano neste ano.

Pelo Botafogo o atacante teve 22 participações e marcou apenas um gol, justamente o tento anotado em cima do Cruzeiro.

Fonte: Hoje em Dia