Cumprindo o calendário de treinos da semana, que teve o horário alterado por conta do jogo de domingo diante do Paysandu, marcado para as 11 horas (de Brasília), fato que exige uma preparação especial, o Botafogo treinou no campo anexo do Engenhão debaixo de sol. O técnico Ricardo Gomes, inclusive, teve os retornos do lateral esquerdo Carleto e do meia Daniel Carvalho no trabalho tático.

Os dois jogadores foram ausência no treino da última terça. Enquanto o primeiro se ausentou para reforçar a musculatura, Daniel Carvalho precisou resolver problemas pessoais e não pôde comparecer à atividade. Depois de uma preparação física intensa, os atletas fizeram uma movimentação tática com diversas interrupções do treinador, que insiste em melhorar a saída de bola para o campo de ataque.

Separados em dois grupos, os jogadores exercitavam a saída de bola e a posse em campo reduzido, com um número de toques específico a ser dado na bola. Para a partida contra o Paysandu, que vem ao Rio de Janeiro nesta quinta para encarar o rival Fluminense, pela Copa do Brasil, o Botafogo espera contar com força máxima.

Atualmente na vice-liderança da tabela com 36 pontos, a um ponto do líder Vitória, o Glorioso contará com o retorno do lateral direito Luis Ricardo, que deve reaparecer na vaga do jovem Diego. O Paysandu, por sua vez, aparece em sétimo lugar, com 30 pontos, e busca somar pontos fora de casa para se aproximar do G4. O goleiro Jefferson, um dos líderes do time, falou sobre a importância do jogo.

“O Botafogo precisa vencer o Paysandu não apenas por ser um confronto direto. Precisamos ganhar porque vamos jogar em casa, com o apoio da torcida, e não podemos deixar os três pontos escaparem. O fator campo será muito importante no returno, e perdemos alguns pontos em casa no primeiro turno, contra Criciúma e Luverdense. Atualmente esses pontos nos deixariam em uma situação mais confortável”, ponderou.

Se nenhum imprevisto acontecer, o time que enfrentará o Paysandu contará com Jefferson; Luis Ricardo, Renan Fonseca, Diego Giaretta e Carleto; Serginho, Willian Arão, Diego Jardel e Daniel Carvalho; Neilton e Álvaro Navarro.

Fonte: Gazeta Esportiva