Goleiro de Seleção Brasileira, Jefferson é o único jogador inquestionável no elenco alvinegro. Capitão, o goleiro é um dos líderes do grupo, que antes de perder o clássico para o Flamengo entrou com uma faixa protestando contra os três meses de salários atrasados e cinco de direitos de imagem.

O goleiro negou que a atitude atrapalhe o time.

– Estamos lutando pelos nossos direitos. Em nenhum momento interferiu no resultado ou no trabalho. Estamos treinando, somos profissionais, estamos buscando nossos objetivos. É um time unido, sabe o que quer – disse à ESPN Brasil.

Jefferson lamentou o resultado do clássico.

– Infelizmente, não conseguimos o resultado. Serviu de lição para entrarmos o jogo todo com atitude de buscar a vitória. Sabíamos que íamos ter dificuldades. Entramos focados que tínhamos que ganhar. O clássico foi aberto, cada time dominou um tempo. A oportunidade que tiveram eles fizeram, nós tivemos duas e não fizemos. Isso nos deu a derrota – resumiu o camisa 1, que já pensa o Cruzeiro.

– Todos os jogos são difíceis. Pegamos o Coritiba, foi totalmente diferente do que as pessoas pensavam. Contra o Flamengo também foi sofrido. O Cruzeiro é líder, temos que nos preparar bem, respeitar, mas jogar também. Temos condições de jogar e buscar o resultado positivo. Temos que ter ousadia, personalidade para jogar e ir para cima. Ganhar e perder faz parte do jogo, o importante é ter atitude – cobra.

Fonte: Redação FogãoNET