Titular do Botafogo, o goleiro Jéfferson foi outro atleta a elogiar a postura da Daniel Alves – que comeu uma banana atirada por um torcedor racista durante partida do Barcelona contra o Villarreal, no domingo, pelo Campeonato Espanhol. O camisa 1 do Botafogo falou também sobre o papel do torcedor para combater ações do gênero.

– Ele (Daniel Alves) respondeu à altura. É lamentável, em 2014, isso continuar acontecendo. Só vai mudar mesmo depois que as pessoas em volta se conscientizarem de que isso é errado. As próprias pessoas tem que acusar. Não adianta jogador e imprensa criticarem o racismo enquanto as próprias pessoas não fizerem nada – comentou o goleiro.

Em meio ao episódio, o Botafogo lançou uma campanha contra o racismo no jogo contra o Internacional. O clube ainda manifestou apoio ao lateral-direito Daniel Alves. No Twitter, o perfil oficial do clube escreveu: ‘Estamos juntos, @DaniAlvesD2 ! A cor não faz a menor diferença: chega de racismo no futebol! #somosumsó’.

Fonte: O Globo Online