A Seleção Brasileira Sub-15 fez o primeiro dos dois amistosos contra o Paraguai nesta terça-feira (23), em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), e venceu pelo placar de 3 a 1. Andrey, Matheus Nascimento, do Botafogo, e Arthur fizeram os gols do time canarinho. As partidas são parte da preparação da equipe para a disputa do Campeonato Sul-Americano da categoria, que acontecerá no próximo mês de novembro, na Bolívia. Na próxima sexta-feira (26), as equipes voltam a se enfrentar, também no estádio do Vasco.

O jogo

O Brasil começou a partida já partindo para cima do Paraguai. Aos cinco minutos do primeiro tempo, o time comandado pelo técnico Paulo Victor Gomes já tinha levado perigo em duas finalizações, de Ângelo e Kauê, também do Botafogo, obrigando o goleiro Vilar fazer boas intervenções. A pressão surtiu efeito aos 12 minutos da etapa inicial. Após cobrança de escanteio, o zagueiro Rômulo, do Atlético-MG, finalizou e a defesa paraguaia tirou em cima da linha. Na volta, a bola foi levantada na área novamente e o volante Andrey, que joga no Vasco, cabeceou para o fundo das redes, abrindo o marcador em São Januário.

Com a vantagem, a Seleção Brasileira continuou dominando o jogo e mantendo a posse de bola. Aos 32 minutos, o ataque canarinho voltou a furar a defesa paraguaia. Arthur, do Fluminense, fez bela jogada dentro da área e deixou um defensor no chão. O camisa 10 rolou para o atacante Matheus Nascimento, do Botafogo, que só teve o trabalho de empurrar a bola para o gol. Já nos acréscimos da etapa inicial, o Paraguai conseguiu diminuir a vantagem brasileira em uma bela cobrança de falta de Enciso, jogador do Libertad-PAR, indo para o intervalo com o placar de 2 a 1.

No retorno do intervalo, o Brasil repetiu a pressão feita no início de jogo. E não demorou muito para os garotos brasileiros balançarem as redes paraguaias. Logo aos três minutos do tempo derradeiro, após cobrança de falta dentro da área e rebote da defesa adversária, Arthur fez um belo domínio no peito e chutou no ângulo para fazer o terceiro gol da Seleção: 3 a 1.

Com o placar garantido, o comandante Paulo Victor aproveitou para rodar o elenco e dar minutos em campo para outros jogadores. Sem levar perigo, a Seleção Brasileira assegurou a vitória por 3 a 1 de forma tranquila e só esperou o apito final.

BRASIL: Mycael; Vinicius (Hygor), Rômulo, Kaiky Fernandes e Biro; Andrey, Kauê (Marcos) e Arthur; Emersonn (Matheus Lima), Ângelo (Kaiky) e Matheus Nascimento (Victor Hugo) – Técnico: Paulo Victor Gomes

Fonte: Site da CBF