Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

X

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

X

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

10/04/21 às 21:05 - Raulino de Oliveira

Escudo Volta Redonda
VRE

2

X

2

Escudo Botafogo
BOT

Juca Kfouri diz que torcia para o Botafogo no Rio na infância e se preocupa com futuro do clube

19 comentários

Compartilhe

Juca Kfouri diz que Botafogo e Vasco merecem cair por venderem mando de campo no Campeonato Brasileiro
Reprodução/ESPN Brasil

Em uma temporada que ainda segue até o fim de fevereiro, Botafogo e Vasco fecharam 2020 ocupando a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Os clubes ainda lidam com fora do gramado, com Honda deixando o time botafoguense nos últimos dias e o cruzmaltino recorrendo a Vanderlei Luxemburgo para tirar o time da situação em que se encontra após a demissão do português Ricardo Sá Pinto.

No Posse de Bola #87, Juca Kfouri comenta sobre a possibilidade de clubes como os dois deixarem o rol dos grandes do país, como já ocorreu em outros países, como Itália e Inglaterra, onde campeões de outrora estão há décadas distantes de títulos e jogando em divisões inferiores. O jornalista acredita que este risco é maior ao Botafogo do que ao Vasco.

“Olho para o Botafogo e fico muito preocupado. Menos com o Vasco, eu acho que por mais que o Vasco tenha sido dilapidado nos últimos anos, desde a era Eurico Miranda, passando por Roberto Dinamite, que é das maiores decepções possíveis na vida, eu acho que o Vasco tem uma massa tal que o Vasco é indestrutível, nós vamos ver o Vasco renascer, e acredito que é uma possibilidade enorme nas mãos do Jorge Salgado, que é um cara sério, que é um cara moderno. Acho que o Vasco vai passar muita dificuldade ainda nas mãos dele, mas ele vai apontar o caminho para o Vasco renascer”, afirma Juca.

“Não vejo isso no Botafogo, nem em termos de respaldo do torcedor e nem na direção, porque o Botafogo além do mais teve este azar de ter nessa figura do Montenegro um ‘salvador’, este é um doido, é um maluco. Eu tenho certeza que ele não dirige o Ibope como o Botafogo, até porque quem cuida do Ibope não é exatamente ele”, completa.

Juca diz que torceu para o Botafogo na infância, cita os ídolos do clube alvinegro que estiveram nas conquistas de títulos mundiais da seleção brasileira e lamenta o momento no qual vê o risco de apequenamento.

“Eu fico realmente angustiado e olho para o Botafogo, repito, também o meu time no Rio quando eu era criança, porque era o alvinegro que ganhava e tinha Garrincha, Didi, Quarentinha, Zagallo e Nilton Santos“, diz Juca.

“Eu acho sim que nós vamos ver, pelo menos o Botafogo, nós vamos ver o Botafogo, time que durante tantos anos se orgulhava de ser o que mais ofereceu jogadores para as seleções tri campeãs do mundo e tudo, a gente está vendo o Botafogo se desfazer”, conclui.

Fonte: UOL

Comentários