Júnior César vê confronto contra líder no sábado como ‘oportunidade única’

Compartilhe:

Imerso em uma grave crise financeira, com salários atrasados em todo elenco profissional e com protesto dos jogadores, o Botafogo se apega ao que pode para se motivar no Campeonato Brasileiro. Neste sábado, às 18h30m, no Maracanã, o adversário da vez é o Cruzeiro. Para Júnior César, que deve retornar ao time após a suspensão que o tirou do clássico contra o Flamengo, enfrentar o líder é uma “oportunidade única”.

— Sabemos da dificuldade que vai ser o jogo pelo adversário, que é o líder de todas as estatísticas. A qualidade (do Cruzeiro) tem feito a diferença dentro da competição. Vamos enfrentá-los dentro de casa e temos que fazer acontecer no sábado. Mas não é de qualquer maneira. Com aplicação e determinação, vamos fazer o melhor porque isso pode nos aproximar de nosso objetivo — afirmou o lateral-esquerdo.

O jogador falou também sobre a importância do atacante Emerson Sheik. Emprestado pelo Corinthians, o jogador tem seu salário em dia porque continua recebendo do clube paulista. Ainda assim, ele não está alheio ao problema financeiro e chega a emprestar dinheiro para atletas do clube. Além disso, foi o melhor jogador alvinegro em campo no clássico contra o Flamengo.

— Todo mundo sabe o que o Emerson representa. Ele é experiente, decisivo e participativo. Tem chamado a responsabilidade na equipe e é a referência. Dessa maneira, tem sido líder dentro e fora de campo. Nos traz felicidade conviver com a pessoa que ele é — completou Júnior César.



Fonte: O Globo Online
Comentários