Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

25/04/21 às 18:00 - Nilton Santos

Escudo Botafogo
BOT

X

Escudo Macaé
MAC

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

1

X

0

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Lanterna do Brasileirão, Botafogo amarga queda de rendimento no Maracanã

0 comentários

Compartilhe

A derrota para o Palmeiras, na última quarta-feira, não apenas levou o Botafogo para a lanterna do Brasileiro como também serviu para uma constatação preocupante: o fato de jogar no Maracanã, que no primeiro turno era um trunfo na fuga do rebaixamento, hoje não surte o mesmo efeito. Dos últimos quatro jogos que fez no estádio, o Alvinegro ganhou um e perdeu três, num indício de que já não tem mais a mesma força em casa.

No primeiro turno, o Botafogo venceu Criciúma e Chapecoense — dois concorrentes diretos na luta contra a degola —, além do Santos. Já diante de Cruzeiro e Internacional, líder e vice-líder, respectivamente, conseguiu empates que foram considerados bons resultados.

No returno, venceu apenas o Goiás, que está no meio da tabela; e perdeu para Grêmio, que está no G-4, Bahia e Palmeiras, rivais em relação ao Z-4. Se tivesse repetido o aproveitamento da primeira metade do campeonato, somando sete ou noves pontos aos 26 já conquistados, o Glorioso estaria fora da faixa dos que cairão para a Série B em 2015.

Essa queda de rendimento no estádio começou no atípico jogo contra o Tricolor baiano, no qual o Botafogo começou vencendo e tinha a partida sobre controle, mas, após as expulsões de Ramírez e Emerson, acabou derrotado por 3 a 2. Àquela altura, o Brasileiro já estava na 22ª rodada, e o Glorioso era, ao lado do Cruzeiro, o único time invicto como mandante — na derrota para o Flamengo, o mando era rubro-negro.

— Talvez o jogo do Bahia tenha sido determinante (para o declínio) pelo jeito que foi. Agora vamos nos unir para melhorar — disse o zagueiro Matheus, titular contra o Verdão.

Para piorar, a concessionária do Maracanã sofre penhora de contas por causa de ação judicial do técnico Joel Santana, hoje no Vasco, que cobra R$ 1,5 milhão do Botafogo, réu no processo. Assim, o clube ficou numa saia-justa no estádio e, diante desse cenário, faz mais sentido levar jogos para praças como Manaus, onde o time enfrenta o Corinthians, neste sábado.

Jobson fora

Presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Caio Rocha negou nesta quinta-feira a liminar do Botafogo para poder escalar Jobson no Brasileiro. O jogador chegou a viajar para Manaus, mas não será relacionado para o jogo com o Corinthians.

No entanto, Caio Rocha ressalvou no despacho a possibilidade de reconsiderar a decisão desde que haja um aprofundamento do tema e uma consulta à Fifa por um relator que será nomeado.

Além de Jobson, Vagner Mancini terá outras ausências. Com dores na perna direita, Aírton e Fabiano não viajaram, assim como Ramírez, que já não jogaria devido a uma cláusula contratual, e Carlos Alberto, que receberam o terceiro cartão amarelo e cumprirão suspensão.

Comentários