O Botafogo realizou partida memorável nesta quarta-feira, venceu o Atlético-MG por 3 a 0, reverteu a derrota por 1 a 0 do primeiro jogo e se classificou para as semifinais da Copa do Brasil. Vencendo por 2 a 0, os cariocas precisavam reforçar a marcação, já que um gol dos mineiros definiria a vaga.

Assim, o técnico Jair Ventura decidiu tirar o camisa 10 para pôr Gilson, lateral improvisado na meia esquerda. O principal objetivo era ajudar na marcação, mas o que ocorreu foi muito melhor do que era planejado.

“Sempre que entro nessa situação é para dar suporte ao Victor Luis na marcação. Mas saímos em contra-ataque e o Bruno Silva deu excelente passe para mim, que consegui fazer o gol da vitória e da classificação”, disse o Gilson na saída de campo, à Fox Sports.

Com a classificação, o Botafogo espera o vencedor de Flamengo e Santos para saber quem será o próximo adversário na Copa do Brasil, agora pela semifinal.

Fonte: UOL