Único clube com 100% de aproveitamento no Campeonato Carioca Sub-20 até agora, o atual campeão Botafogo tem o primeiro grande teste da temporada no domingo. O clássico com o Flamengo, que será a preliminar do jogo entre as equipes profissionais no Maracanã, marca o encontro do líder isolado com o rival que não vem bem na competição – está apenas em sexto lugar, com 12 pontos, e empatou com Macaé, Cabofriense e Madureira.

O confronto, que começa às 13h45 (de Brasília), é visto com importância no Glorioso. “Será uma partida muito difícil, sabemos que existe uma rivalidade muito grande, mas o que eu espero é que a nossa equipe consiga repetir as atuações que vem tendo durante a competição. Se conseguirmos, não temos duvidas que sairemos com o resultado positivo. O importante é entrar focado, equilibrado e dentro da nossa proposta de jogo. Independentemente do adversário, nós vamos sempre buscar a vitória do primeiro ao último minuto”, analisou Maurício de Souza, técnico alvinegro, ao site oficial do clube.

Uma vitória sobre o arquirrival seria fundamental para as pretensões do Fogão no Carioca de defender o título – e mesmo uma derrota ainda manteria o clube na liderança, já que o vice-líder Madureira está quatro pontos atrás. Apesar da responsabilidade de ser o campeão, o treinador vê a revelação de talentos também como fator de suma importância. “É claro que o foco principal é buscar o bicampeonato, mas a gente entende que hoje a mentalidade do clube é estar revelando os jovens e colocando-os o mais próximo do ideal para que eles possam ser utilizados sempre que necessário pelo professor René”, explicou.

A campanha arrasadora no estadual até agora atraiu a atenção da comissão técnica do profissional, que já analisa alguns jogadores com potencial para serem promovidos, como o goleiro Saulo, os meias Leandro e Moraes e os atacantes Paulo e Vinícius Tanque. E o reconhecimento agrada a todos nos juniores, mas mantendo os pés no chão.

“A gente fica muito feliz com o reconhecimento e com os elogios. São seis jogos e seis vitórias, mas temos o pé do chão, a equipe está bem orientada quanto a isso. Nós sabemos que pra alcançarmos o nosso primeiro objetivo, que é classificar entre os quatro primeiros na Taça Guanabara, temos muita estrada pela frente e a procura por tentar manter isso é muito grande. Procuramos trabalhar forte almejando as vitórias e buscando o mais cedo possível a classificação para as semifinais”, concluiu Maurício.

Fonte: FutNet