No ataque, além de Mamute, estará Jóbson. Mancini precisou de pouco tempo para notar um curioso fenômeno que, aos olhos da torcida alvinegra, transforma o problemático atacante em esperança de permanência na Série A.

— A torcida consegue tirar do Jóbson o que tem de mais infantil e puro mesmo que ele se atrapalhe com a vida longe do campo. O torcedor não consegue tirar isso de outros. Por isso, há muita identificação. Ele devolve o que a torcida quer, um futebol diferente e moleque — diz Mancini sobre o atacante que ainda não balançou as redes na atual passagem.

Fonte: O Globo Online