“Na Páscoa, levei um chocolate”, brincou Vagner Mancini, assim que foi apresentado no programa Mesa Redonda, da TV Gazeta. O técnico do Botafogo manteve o bom humor apesar da péssima estreia no Campeonato Brasileiro – a derrota por 3 a 0 para o São Paulo, no Morumbi – e passou uma mensagem otimista, sem fechar os olhos para os problemas do clube.

“O Botafogo vive hoje um momento delicado em relação à situação financeira, com dinheiro bloqueado. Isso gera uma insatisfação, impede que a diretoria faça os acertos, pague o que precisa ser pago. Mas, ao mesmo tempo, a equipe fez um excelente 2013 e tem condição de fazer um excelente Brasileiro”, afirmou o treinador.

Ele mostrou compreensão com os dirigentes e ouviu a promessa de que haverá um esforço para que os compromissos sejam cumpridos. Ajustada essa parte, o paulista promete fazer a sua na tentativa de tornar o Botafogo novamente um time forte no Nacional.

“Teve mudança de peças, em relação à equipe do ano passado, mas não mudou a estrutura. Aceitei o convite porque sei a capacidade do clube de reverter a situação. É o momento de encarar isso como um belo desafio, mais um na minha carreira, para dar à equipe minha cara e fazer com que jogue bem”, disse Mancini.

O técnico foi contratado no início da semana, ocupando o lugar que era de Eduardo Hungaro até a eliminação na primeira fase da Copa Libertadores. A estreia foi bem ruim, e a primeira oportunidade de recuperação será no próximo domingo, contra o Internacional, no Rio de Janeiro.

Fonte: ESPN.com.br e Gazeta Press