Usamos cookies para anúncios e para melhorar sua experiência. Ao continuar no site você concorda com a Política de Privacidade.

Jogos

Carioca

17/04/21 às 16:00 - Maracanã

Escudo Fluminense
FLU

X

Escudo Botafogo
BOT

Copa do Brasil

14/04/21 às 21:30 - Frasqueirão

Escudo ABC
ABC

1

X

1

Escudo Botafogo
BOT

Campeonato Carioca

10/04/21 às 21:05 - Raulino de Oliveira

Escudo Volta Redonda
VRE

2

X

2

Escudo Botafogo
BOT

Mancini sinaliza manter escalação contra o Cruzeiro: ‘Não há razão para mexer’

0 comentários

Compartilhe

O sofrimento que o Botafogo passou para vencer os reservas do Flamengo, no sábado, por 2 a 1, sugere que vai ser ainda mais difícil passar pelo líder do campeonato, o Cruzeiro, no jogo do próximo domingo, em Belo Horizonte. Apesar das 15 posições e dos 28 pontos que separam as equipes na tabela, resta aos alvinegros acreditar que futebol é momento. Nos últimos cinco jogos, o Botafogo somou sete pontos contra cinco do time mineiro. Para deixar a zona de rebaixamento na próxima rodada, além de vencer, o time carioca precisa torcer por tropeços de Vitória ou Chapecoense, que jogam fora de casa contra Grêmio e Flamengo.

– Queremos sair do Z-4 o mais rapidamente possível para depois ir administrando. Espero que na semana que vem não estejamos mais na zona – disse o técnico Vágner Mancini, que pode ser questionado pela irregularidade mas não pela falta de empenho de um time que tem jogado no seu limite, como aconteceu, anteontem, em Manaus. – Foi uma vitória de um time que sabia da necessidade que tinha e que jogou exatamente da forma como deveria.

Ao improvisar Rodrigo Souto na zaga e começar com Bollati e Carlos Alberto no meio, Mancini encontrou uma nova perspectiva:

– Num time que está oscilando e que faz um jogo desse, não tenho razão para mexer. Muita coisa vai acontecer até jogo com o Cruzeiro, mas a tendência é que esse time saia na frente de qualquer outra alteração.

Criticado por simular pênalti quando tinha a chance do empate no jogo em que o Botafogo acabou derrotado pelo Coritiba, Rogério se redimiu na rodada seguinte com o gol que abriu o placar do clássico.

– Estou começando no futebol, não tenho muita experiência. Fiquei triste, mas meus companheiros nunca me abandonaram.

Comentários