O Botafogo tem feito um bom início de Campeonato Brasileiro mesmo com vários desfalques. O técnico Alberto Valentim tem sofrido com a perda de jogadores, mas tem contado com as boas atuações dos garotos das categorias de base. Um dos casos é o volante Matheus Fernandes, de 19 anos. Já com experiência entre os titulares, o jogador fez boa partida contra o Grêmio e lamentou não ter concretizado uma oportunidade em gol.

“Fico até brincando com meu pai que consegui dar uma assistência e mandei uma bola na trave. Acho que no próximo sai o gol. Minha obrigação é defender primeiro, mas se der brecha quem sabe sai um golzinho?”, disse.

Matheus Fernandes projetou o próximo compromisso do Botafogo, neste domingo, contra o Cruzeiro, no Mineirão. Os mineiros estão na zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, mas para o volante é uma posição que não condiz com a força da equipe.

“Não pode ficar nesse negócio se está na zona ou não, o Cruzeiro é muito qualificado. E vamos para cima deles, pois também queremos ganhar e ir para o topo da tabela “, declarou.

Nesta partida, Matheus Fernandes vai reencontrar o atacante Sassá, que foi criado no Botafogo. O volante ressaltou a amizade entre ambos, mas lembrou que o adversário deve remarcado de perto pelos defensores alvinegros.

“Ah, o Sassá é parceiro, mas não pode brincar muito. Não pode dar brecha para ele. Acho que vai ser tranquilo, vamos ir bem nessa partida e vou conseguir marcá-lo”, finalizou.

Fonte: Gazeta Esportiva