Contra o Flamengo, em clássico válido pelo Carioca, o Botafogo foi ao gramado com patrocínios pontuais e com direito a anúncio e preço de telefone celular na parte de trás da camisa no último domingo. No mesmo dia, em duelo do Paulista, o Rio Claro enfrentou o São Paulo com o logotipo do Porta dos Fundos, canal de vídeos humorísticos, no calção. Durante o ‘Bate-Bola’ de domingo, Mauro Cezar Pereira analisou os dois patrocínios e aprovou apenas o do pequeno time paulista.

– O Botafogo está com patrocinadores, isso é importante e bom. Mas tudo tem limite. não pode pegar camisa do Botafogo e botar liquidação de celular, é sacanagem. Muito feio. Propaganda institucional ainda vai. Isso é uma avacalhação. Não consigo imaginar que o Real Madrid permita isso um dia. O clube tem que pôr um limite quando negocia – reclamou.

Fonte: ESPN.com.br