Meia na base, Gegê vai bem como volante e vira ‘curinga’ de Oswaldo no Botafogo

Compartilhe:

As coisas aconteceram muito rapidamente para Gegê. Reserva e sem espaço há quase duas semanas, o camisa 34 virou titular e até mesmo ‘curinga’ para Oswaldo de Oliveira. Meia de origem, ele foi escalado como volante diante do Vasco, quando sete titulares foram poupados, e agradou.

Para o duelo diante do Flamengo, nesta quarta-feira, pela Copa do Brasil, fica a dúvida se o garoto pode decidir contra o Rubro-Negro, mais uma vez. Afinal, no último encontro, pelo Brasileiro, o jovem fez um gol e deu uma assistência.

Mesmo tímido, Gegê não teve medo de mostrar o futebol que o credenciou ao time profissional. Não à toa, em tão pouco tempo, ele já conseguiu o respeito e admiração dos companheiros mais velhos. De acordo com Renato, que indiretamente briga por uma vaga com ele, o menino tem muito futebol para mostrar e desenvolver.

Fonte: Lancenet!

Comentários